Blog Saga Crepúsculo Portugal Mail: crepusculoforum@sapo.pt
Um blog que vai ao encontro do que as (os) Fãs desejam mais. Aqui é o Espaço Perfeito onde podes saber novidades sobre esta emocionante saga que está a mudar o Mundo, a SAGA CREPUSCULO ... Esperamos por ti AQUI .
.posts recentes

. Dakota Fanning em NYC (HQ...

. Imaegm promocional de Edw...

. Imagens dos efeitos espec...

. Novo poster de "The Host"...

. Nova foto de Nikki e Paul...

. Novo sneak peak de Stephe...

. Nikki ala sobre a reconci...

. Lana Del Rey fala sobre K...

. Data de estreia de "The M...

. Premiere de BD2 em Madrid...

. Novos stills de Robert, K...

. Premiere de BD2 em Madrid...

. Outtakes de Ashley Greene...

. Novo video de Robsten em ...

. Roll exclusivo de Robert ...

. Novas/antigas fotos de Ro...

. BD2 lidera a maior Box Of...

. Premiere de BD2 em Madrid...

. A lista de últimos desejo...

. Nova foto de Judi Shekoni...

. Premiere de BD2 em Madrid...

. Entrevista a Daniel Cudmo...

. Premiere de BD2 em Madrid...

. Kellan Lutz fala sobre a ...

. Screencaps do sextras do ...

.arquivos

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

.tags

. 100 monkeys(91)

. alex meraz(138)

. amanhecer(1283)

. anna kendrick(392)

. artigos(190)

. ashley greene(1080)

. atores(256)

. banda sonora(153)

. bastidores(80)

. bella swan(260)

. billy burke(86)

. boa noite crepusculianos(180)

. boo boo stewart(338)

. brasil(87)

. bryce(161)

. cam gigadent(85)

. charlie bewley(119)

. chaske spencer(100)

. chris weitz(104)

. christian serratos(120)

. comic-con(151)

. crepusculo(122)

. curiosidades(191)

. dakota(347)

. dakota fanning(100)

. david slade(86)

. dvds(85)

. eclipse(1047)

. edward(218)

. elenco(316)

. elizabeth reaser(87)

. entrevistas(1120)

. eventos(381)

. fan made(164)

. fãs(302)

. fas(98)

. festas(101)

. filmes(581)

. fotos(3600)

. galeria(965)

. gifs(148)

. jackson(229)

. jackson rathbone(129)

. jacob(99)

. jamie(142)

. kellan(579)

. kellan lutz(193)

. kristen stewart(3527)

. la(139)

. livros(93)

. lua nova(672)

. merchandising(272)

. michael sheen(113)

. moda(125)

. mtv(130)

. mtv video music awards 2009(85)

. mvma 2009(89)

. new moon(470)

. nikki(342)

. nikki reed(164)

. noticias(157)

. outros(237)

. outtakes(288)

. paris(88)

. parte2(153)

. peter(195)

. peter facinelli(266)

. photoshoot(380)

. portugal(82)

. poster(122)

. premier new moon(154)

. premiere(148)

. programas(170)

. rachelle(124)

. remember me(175)

. revistas(958)

. rob(115)

. robert pattinson(4296)

. robsten(430)

. saga crepusculo portugal(134)

. scan(80)

. scans(342)

. screencaps(170)

. set(157)

. set de eclipse(82)

. stephenie meyer(129)

. stills(343)

. swath(225)

. taylor(1250)

. taylor lautner(274)

. the runaways(121)

. trailer(155)

. twilight(461)

. twitter(634)

. vancouver(117)

. video(746)

. videos(1849)

. volturi(85)

. wallpaper(97)

. xavier samuel(146)

. todas as tags

.Crepusculo Portugal - Chat

Atenção : Este chat EA c -box do lado spoilers BASTANTES Direito Contemplação Sobre o filme ! Quem Quer Ser surpreendido comentarios nao veja OS Neste bate papo , Quem não aguenta OU JA VIU o filme esteja Vontade de ...
Domingo, 23 de Outubro de 2011
Fanfic - Capitulo 21 - 3ª Parte - "Nevoeiro"

Contra a Realeza 

 

(com o contributo de Marta S.)

 

 

Então, algo por detrás de mim rugiu. Foi um rugido diferente dos que eu estava acostumada. Não soava a vingança mas detetei um laivo de raiva e imenso sentido de proteção. Quando reparei na direção em que todos os olhos, vermelhos e dourados, olhavam, choquei-me. Poderia ser mesmo Esme? Apercebi-me que Jasper tentava resfriá-la mas quando ela falou ninguém teve discernimento para a impedir:

         - Exijo que nunca mais voltem a importunar a minha família. Já estou demasiado saturada com os vossos caprichos. Se têm algo contra o nosso clã digam já.

Não. Esme, a minha mãe adoptada. A adorável Esme. Não podia ser.

Senti algo a tentar penetrar o meu escudo. Tinha-me desconcentrado com o fervoroso discurso. Aquele guarda que ainda há pouco me olhara estava a fixar-me, mas a observar para além de mim, como se conseguisse perceber exactamente onde começavam e acabavam os limites do escudo mental. Ele era forte, demasiado forte. Senti que o meu escudo quebrava. Quer por fora, quer por dentro da minha mente, e que nada podia fazer para contrariar essa situação. Edward olhou para mim espantado. Percebi pelo seu olhar que conseguia ler os meus pensamentos. Transmiti-lhe o que achava que se tinha acabado de passar. Edward compreendeu e acenou discretamente em resposta. Aquele vampiro devia ter algum poder diferente dos que conhecíamos… Algo de novo e extraordinário, mesmo num mundo de criaturas como nós.

- Querida Esme, nada temos contra a vossa família. Apenas vos informamos que a partir de agora a prezada Isabella se juntará a nós. – respondeu Aro, sorrindo.

 

 

 

-É Bella. – disse Edward friamente. – E não, ela não irá juntar-se a um clã como o vosso. – apertou-me mais a mão. - Como Esme já referiu, se se quiserem opôr podem expôr a vossa opinião, mas não irá afectar a nossa decisão.

- Lamento que tenham tomado essa decisão. – rematou Aro.

Ao proferir aquelas palavras, activou as posições de batalha nos seus guardas, e consequentemente na minha família. Eu própria também o pressenti.

Sem o meu escudo, como é que eu poderia contribuir para a batalha? Senti um aperto na garganta, percebendo que, daquela vez, a minha presença seria inútil, tal como tinha acontecido há já tanto tempo, quando eu ainda era humana. Observei os movimentos furtivos e ameaçadores de ambas as partes começarem a aproximar-se, diminuindo o espaço livre que havia entre os dois clãs.

O primeiro a avançar foi, precisamente, Edward, que se soltou dos meus dedos contra a minha vontade, rugindo furiosamente. Saltou com ferocidade em direcção a Caius, sendo rapidamente agarrado pelos braços por Owen, que lhe torceu os membros com um sorriso descontraído. Sem poder aguentar ver o meu marido a ser tratado daquela maneira, mesmo sabendo que se ele quisesse poderia soltar-se facilmente, avancei correndo para Owen, e mordendo-o no pescoço. Este libertou Edward da prisão dos seus braços com um grunhido e, quando olhei à minha volta, verifiquei que não era só eu a lutar pelo que amava. Todos lutavam uns pelos outros, por todo o lado.

Renesmee

Depois da minha mãe ter corrido desenfreada em direcção ao meu pai, impensavelmente, foi a vez de Esme atravessar o já curto espaço entre os clãs. Ia inequivocamente em direcção a Renata, derrubando-a aproveitando a sua distracção na protecção de Aro, que parecia estar a ser o maior alvo dos ataques. Ou, pelo menos, tentativa de ataques. Já que a sua guarda-costas repelia toda a gente. Até àquele momento. Esme sorriu, triunfante, e voltou-se para Aro, avançando, metódica e fria. Agarrou-o pelo colarinho, sibilando e emitindo pragas que eu nem me dei ao trabalho de ouvir, pois até me custava que a carinhosa e doce Esme estivesse a lutar daquela maneira, quanto mais ouvi-la falar numa linguagem que não se ajustava de modo nenhum à sua figura tranquila. Bem, supunha que todos podiam mudar drasticamente, se tivesse de ser. Observei-os enquanto prosseguiram a luta, mirando o rosto de Aro contorcido de dor quando lhe foi arrancada uma parte do braço, e percebendo que a minha avó se apresentava cada vez mais optimista com a sua presa. Demasiado optimista. De repente, depois de um ataque demasiado relaxado de Esme, o líder do clã Volturi levantou-se furiosamente, derrubando-a e caindo-lhe em cima com um estrondo. Um pequeno guincho agudo soltou-se de dentro dos meus pulmões, quando vi o pescoço da minha avó ser torcido até ao limite, lentamente, de forma a provocar a maior dor possível. Sem poder fazer nada, pois Jake agarrava-me nos pulsos com toda a força, com a ajuda dos seu focinho, observei o semblante sorridente de Aro a ganhar confiança, a pouco e pouco, enquanto Esme gemia de dor. No entanto, no instante seguinte, o corpo de Aro já não se encontrava lá, as suas mãos já não apertavam o pescoço da minha avó paterna, e ouviu-se um estrondo do outro lado da sala, seguido do som de pedra a rachar. Mas não fui capaz de distinguir o que, ou quem, rachara. Se Aro, se a parede da fortaleza. Olhei para trás e visualizei Carlisle, arfando de fúria, verificando Esme e beijando-a suavemente nos lábios, antes de avançar em direcção ao corpo inerte do sádico vampiro.

 - Isto acaba aqui, Aro. – murmurou ele, caminhando demasiado devagar em direcção ao seu adversário.

Com um golpe mais forte do que eu jamais tinha presenteado, e com um uivo de raiva completamente vazio de compaixão, Carlisle esmurrou o rosto de Aro, que se despedaçou em mil pedaços, debaixo dos nossos pés. Observei a cena de boca aberta, e só aí me apercebi de que as minhas mãos já não envolviam o pêlo sedoso do meu namorado.

Olhei para trás, sentindo a minha mente cair num abismo de desespero, sem saber onde estava Jacob.

 - Jake! – gritei, sustendo a respiração. Apurei a minha audição, em busca de sinais do seu latido, ou até da sua voz. Ouvi, ao longe, um clamor de latidos e guinchos, que sabia serem dos lobos. Corri para um dos corredores adjacentes ao salão, em direcção ao som, que esperava ser do meu namorado.

Ao fundo do corredor, e a uma velocidade alucinante de corrida, estava Marcus, que tentava escapar às garras de Sam e Paul, que ladravam furiosamente. Jacob estava mais atrás, correndo também, mas mais devagar, arfando. Só depois reparei que sangrava de uma das patas traseiras. Corri para ele o mais depressa que pude, alcançando-o num ápice.

 - Jake, estás bem? – perguntei, aflita.

Recebi um latido como resposta do meu namorado, que se deslocava cada vez mais lentamente, deixando para trás um rasto de sangue vermelho-escuro com um cheiro característico, pelo qual ninguém naquela sala se sentiria de certo atraído.

 - Quem te fez isso? – perguntei, fazendo com que ele parasse por algum tempo. Rasguei uma grossa tira do vestido que trazia, e enrolei-a à volta dele. Senti que uma dor no meu braço abrandava, e só aí me apercebi de que a estranha marca na minha pele me começara a doer assim que Jacob se magoara.

O seu focinho apontou para o salão, na direcção de Rosalie, que lutava com Alec, sem medo do seu poder. Rosnei involuntariamente. Jake olhou-me mais uma vez, os seus olhos pretos cheios de ternura e saudade, e desatou novamente a correr, tentando apanhar o resto da alcateia. Segui-os mais atrás, com medo de encontrar algum vampiro que me surpreendesse no caminho.

Ao longe, observei a algazarra que se deu quando os lobos apanharam finalmente Marcus, e começaram a despedaçá-lo. Conseguia ouvir gritos horrendos repletos de sofrimento e dor infligida. Fechei os olhos, tentando não visualizar a cena de perto, e cerrei os punhos, abstraindo-me o mais possível daquilo que se estava a passar apenas uns metros mais à frente.

No entanto, a meio dos gritos e impropérios, ouviu-se um som muito diferente, meu conhecido, mas também cheio de angústia. Sem conseguir conter-me, corri para lá, olhando para onde todos os lobos se debruçavam, tentando descortinar o que se passava. Para meu alívio reparei, pelo canto do olho, que não era Jake quem se encontrava no centro da confusão e dos latidos. Quando os meus olhos atingiram o lobo que se encontrara esvaindo em sangue, já sem vida, um enorme soluço veio de dentro de mim, mesmo do fundo. Não conseguia falar, não conseguia chorar, nem sequer respirar. Apenas tinha forças para fitar aquele corpo sólido e pesado estendido no chão, aquele pêlo cinzento pintalgado de uma cor obscura, venenosa, horrenda. Pintalgado de vermelho, da cor da morte, da cor que eu nunca desejara observar em nenhum amigo, em ninguém da família.

Embry jazia no chão de pedra, já sem respirar. A sua caixa torácica parecia ter diminuído imenso e, ao fitar os seus olhos, logo desejei não o ter feito. Estavam brancos, muito abertos, e aquele tom escuro e quente característico do olhar de todos os lobisomens desaparecera completamente, deixando apenas um rasto de medo e horror.

Sem ter reparado, estava a chorar compulsivamente, muito alto. Soluçava, enterrando os cabelos nas mãos. No momento seguinte, Jacob, na sua forma humana, estava já à minha volta, abraçando-me e chorando comigo.

 - Porquê, Jake? Porque é que teve de ser ele? Porquê o Embry? – os soluços haviam-se tornado ainda mais profundos, à medida que eu relembrava o sorriso enternecedor de Embry e a sua gargalhada fina quando Jake me protegia demasiado, ou quando brincávamos na reserva. Parecia ter sido há tanto tempo… Porque tinha de acontecer isto? Como ficaria a Sra. Call, mãe de Embry, quando soubesse? Ela tinha descoberto que o seu filho era um lobisomem há relativamente pouco tempo, e nunca aceitara realmente esse facto. Ficaria decerto destroçada.

Cada vez sentia mais lágrimas correr pelas minhas bochechas, agora vermelhas. Sentia os olhos inchados, e a garganta seca. Parei de repente, lembrando-me que havia uma prioridade maior.

 - O Embry merece que vençamos esta luta por ele. Vai, Jake. Vão todos. Temos de lutar por ele. Só assim a sua morte será vingada. – murmurei, sabendo que iriam ouvir-me.

Os lobos retiraram-se pouco a pouco, a correr, após ordens de Sam. Jacob foi o último, beijando-me e, de seguida, transformando-se novamente, seguindo a sua alcateia.

Olhei em redor, e respirei fundo. Só depois reparei que, ao lado do corpo de Embry, se encontrava também o corpo dilacerado de Marcus. Engoli em seco. Precisava de fazer uma fogueira.



publicado por Joana às 21:59
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

.Saga Crepúsculo Portugal
Todos os direitos reservados á Saga Crepusculo Portugal e ao seus autores , textos devidamente creditados excepto . Quem copiar sem citar o autor do post , infringe em termos de direitos autorais .



.Trailers Amanhecer - Parte 2
.Contadores

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

.Fan Fic

Nevoeiro - Capitulo 1I

Nevoeiro - Capitulo 1II

Nevoeiro - Capitulo 2I

Nevoeiro - Capitulo 2II

Nevoeiro - Capitulo 3I

Nevoeiro - Capitulo 3II

Nevoeiro - Capitulo 4I

Nevoeiro - Capitulo 4II

Nevoeiro - Capitulo 5I

Nevoeiro - Capitulo 5II

Nevoeiro - Capitulo 6I

Nevoeiro - Capitulo 6II

Nevoeiro - Capitulo 7I

Nevoeiro - Capitulo 7II

Nevoeiro - Capitulo 8I

Nevoeiro - Capitulo 8II

Nevoeiro - Capitulo 9I

Nevoeiro - Capitulo 9II

Nevoeiro - Capitulo 10I

Nevoeiro - Capitulo 10II

Nevoeiro - Capitulo 11I

Nevoeiro - Capitulo 11II

Nevoeiro - Capitulo 12I

Nevoeiro - Capitulo 12II

Nevoeiro - Capitulo 13I

Nevoeiro - Capitulo 13II

Nevoeiro - Capitulo 14I

Nevoeiro - Capitulo 14II

Nevoeiro - Capitulo 15I

Nevoeiro - Capitulo 15II

Nevoeiro - Capitulo 16I

Nevoeiro - Capitulo 16II

Nevoeiro - Capitulo 16III

Nevoeiro - Capitulo 17I

Nevoeiro - Capitulo 17II

Nevoeiro - Capitulo 17III

Nevoeiro - Capitulo 18I

Nevoeiro - Capitulo 18II

Nevoeiro - Capitulo 18III

Nevoeiro - Capitulo 19I

Nevoeiro - Capitulo 19II

Nevoeiro - Capitulo 19III

Nevoeiro - Capitulo 20I

Nevoeiro - Capitulo 20II

Nevoeiro - Capitulo 20III

Nevoeiro - Capitulo 21I

Nevoeiro - Capitulo 21II

Nevoeiro - Capitulo 21III

Nevoeiro - Capitulo 22I

Nevoeiro - Capitulo 22II

Nevoeiro - Capitulo 22III

Nevoeiro - Capitulo 23I

Nevoeiro - Capitulo 23II

Nevoeiro - Capitulo 23III

Renesmee Cullen - Capitulo 1

Renesmee Cullen - Capitulo 2

Renesmee Cullen - Capitulo 3

Renesmee Cullen - Capitulo 4

Renesmee Cullen - Capitulo 5

Renesmee Cullen - Capitulo 6

Renesmee Cullen - Capitulo 7

Renesmee Cullen - Capitulo 8

Renesmee Cullen - Capitulo 9

Renesmee Cullen - Capitulo 10

Renesmee Cullen - Capitulo 11

Renesmee Cullen - Capitulo 12

Renesmee Cullen - Capitulo 13

Renesmee Cullen - Capitulo 14

Renesmee Cullen - Capitulo 15

Renesmee Cullen - Capitulo 16

Renesmee Cullen - Capitulo 17

Renesmee Cullen - Capitulo 18

Renesmee Cullen - Capitulo 19

Renesmee Cullen - Capitulo 20

Renesmee Cullen - Capitulo 21

Renesmee Cullen - Capitulo 22

Renesmee Cullen - Capitulo 23

Renesmee Cullen - Capitulo 24

Renesmee Cullen - Capitulo 25

Renesmee Cullen - Capitulo 26

Renesmee Cullen - Capitulo 27

Renesmee Cullen - Capitulo 28

Renesmee Cullen - Capitulo 29

Renesmee Cullen - Capitulo 30

Renesmee Cullen - Capitulo 31

Renesmee Cullen - Capitulo 32

Renesmee Cullen - Capitulo 33

Renesmee Cullen - Capitulo 34

Renesmee Cullen - Capitulo 35

Renesmee Cullen - Capitulo 36

Renesmee Cullen - Capitulo 37

Renesmee Cullen - Capitulo 38

Renesmee Cullen - Capitulo 39

Noite de Luar - Capitulo 1

Noite de Luar - Capitulo 2

Noite de Luar - Capitulo 3

Noite de Luar - Capitulo 4

Noite de Luar - Capitulo 5

Noite de Luar - Capitulo 6

Noite de Luar - Capitulo 7

Noite de Luar - Capitulo 8

Noite de Luar - Capitulo 9

Noite de Luar - Capitulo 10

Noite de Luar - Capitulo 11

Noite de Luar - Capitulo 12

Noite de Luar - Capitulo 13

Noite de Luar - Capitulo 14

Noite de Luar - Capitulo 15

Noite de Luar - Capitulo 16

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

Afiliados

Lua Nova Twilight/Notícias Fotos e Tudo Sobre o Mundo de
Crepúsculo

Image and video hosting by TinyPic

Rádio do Planeta - A solidariedade toca aqui!

Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic Create your own banner at mybannermaker.com!