Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Saga Crepusculo Portugal

Blog Saga Crepúsculo Portugal Mail:crepusculoforum@sapo.pt Um blog que vai ao encontro de que as(os) fãs mais desejam. Aqui é o espaço perfeito onde podes saber as novidades sobre toda a emocionante saga CREPÚSCULO... Esperamos por TI AQUI.

Blog Saga Crepúsculo Portugal Mail:crepusculoforum@sapo.pt Um blog que vai ao encontro de que as(os) fãs mais desejam. Aqui é o espaço perfeito onde podes saber as novidades sobre toda a emocionante saga CREPÚSCULO... Esperamos por TI AQUI.

Saga Crepusculo Portugal

10
Dez09

Rob é impossivel evitar e impossivel de não gostar!

Joana

“Lua nova”, a segunda parte da saga “Crepúsculo”, chegou aos cinemas de todo o mundo na sexta-feira (dia 20). Pode até ser que você pense: “Credo, que coisa de adolescentes”. Mas não vai conseguir escapar da onda que varrerá o planeta. E eu desconfio – na verdade, eu sei – que muitas mulheres (de 20, 30, 40…) adoram a série escrita por Stephenie Meyer. E mais: adoram Robert Pattinson, o actor que faz o vampiro Edward Cullen.

Eu também não entendia o porque de tanta confusão até assistir, bem atrasada, ao primeiro filme, a uns dois meses atrás. Como cinema, “Crepúsculo” é ruim de doer. Nem os efeitos especiais e a maquilhagem prestam, algo grave numa produção sobre vampiros. Mas foi fácil compreender a razão da febre. Edward Cullen é um vampiro romântico, sem aquela autoconfiança extrema que esses seres costumam ter. Ele apaixona-se pela adolescente esquisita Bella (a igualmente esquisita Kristen Stewart). Morre de medo, no entanto, de não resistir a seus impulsos e a ferir. Pior, tem medo de que ela seja ferida por algum dos outros vampiros que rondam o lugar. A relação entre sangue e sexo é explícita aqui. Mas isso faz com que ele seja o namorado dos sonhos de qualquer adolescente.

 

E não é só. Todos, principalmente aqueles do sexo masculino, podem falar mal de Robert Pattinson. Que ele não toma banho. Que ele tem cara de bebado. A verdade, porém, é que fazia muito tempo, provavelmente desde Leonardo DiCaprio, que não surgia um rapaz com tanta pinta de galã como ele. E que mal há nisso? O cinema precisa disso. Robert Pattinson vende. Daí a capa da “Vanity Fair”, uma revista que está longe de ser adolescente. Daí a capa da “Entertainment Weekly”, a bíblia do entretenimento.

Intrigada, comecei a ver e ler as entrevistas do rapaz de 23 anos. E querem saber? Não dá para não gostar de Robert Pattinson. Primeiro, vamos combinar, o rapaz é um pouco novinho (certamente, novinho demais para o meu gosto), mas realmente bonito – dêem uma olhada no ensaio feito por Bruce Weber para a “Vanity Fair” e discorde se for capaz.

Segundo, ele transparece muita sinceridade e nenhuma arrogância, tão típica de jovenzinhos que começam a fazer sucesso. Pelo contrário: não se leva a sério, faz piada de si mesmo. “Parece parvoice, mas de muitas maneiras o meu cabelo é 75% da minha performance”, disse à “Entertainment Weekly” que chegou às bancas americanas na última sexta (13). Fora isso, acha que é o culpado por não saber lidar com o assédio – e é tanto que ele não consegue nem sair do quarto do hotel. “Acho que não sou o tipo de rapaz adequado para fazer uma saga. Não sou muito de multidões”, declarou ainda à “VF”.

E ainda parece ter a intenção de ser um ator de verdade. Tanto que tem optado por projectos mais alternativos, como um western dirigido pela actriz Madeleine Stowe (“Unbound Captives”) e um drama romântico com Emilie de Ravin (“Remember Me”). Por tudo isso, dá para dizer com tranquilidade que ele tem bem mais qualidades que 90% dos actores de 23 anos por aí. Então, deixem o rapaz em paz.

 

 

Fonte: Marie Claire

Adaptação e tradução: SCrepusculo Portugal

28
Nov09

Estrelas da Disney continuam com ataques a Rob e Kris

Joana

Robert Pattinson e Kristen Stewart têm sofrido nos últimos dias, após o enorme sucesso da Lua Nova, uma série de ataques violentos das estrelas da Disney. As estrelas juvenies da estação de televisão são gravemente afectadas. Os protagonistas de "professor de obras" e dos filmes "High School Musical" e "Hanna Montana" e antes da chegada dos dois "esfarrapados "como novas estrelas do filamento adolescente.
Gloria Fernandez

Zac Efron, Vanessa Hudgens e Miley Cyrus não entendem como um rapaz que não se penteia, que fala so de vez em quando, e que não quer ser uma estrela, que queria ser um músico de rua e que ainda por cima também é inglês, pode por tanto fervor e arrabatar os seus fãs. É inaceitável.

A mesma mensagem que foi repetida por três estrelas da Disney: Uma estrela deve cuidar-se, fazer muito desporto, passar muitas horas no ginasio, cuidar bem das suas roupas e usar perfumes caros. Não é possível que estes dois desalinhados venham e tirem o amor dos fãs. Não é possível.

No entanto, para o resto da humanidade, tudo isso pode trazer-lhes consequencias menos negativas. Dois meninos Robert Pattinson e Kristen Stewart que se mostram menos consumista é um modelo positivo para outros jovens, menos preocupados com a forma do que pelo interior.

A primeira compra como o novo ordenado de Robert Pattinson, não era uma Ferrari, mas sim uma guitarra. Obrigado Robert!!

 

Fonte: deminorias

Adaptação e tradução: SCrepusculo Portugal

28
Nov09

Filme Lua Nova - Opinião da Marta

Joana

Ontem, dia 27 de Novembro fui ver o filme que todos estavamso a espera. Sala cheia... pessoas anciosas para ver o que este novo capitulo nos reservava... As luzes apagaram-se e toda a sala se silenciou quando uma lua apareceu no ecrã. O ambiente durante o filme foi espectacular, de vez em quando ouviam-se uns suspiros quando o Jcob ou o Edward apareciam, coisa normal.. ;) Este filme esteve sempre sujeito a uma atmosfera repleta de sensações: ou nos punham com a lágrima no canto do olho (o que me aconteceu muitas vezes), ou ´davamos por nos a rir com as cenas comicas... Dei por mim sempre anciosa por saber o que vinha a seguir.

 

Não sei o que pensam mas eu adorei o filme e penso que foi muito fiel ao livro. Ao contrário de muitas pessoas adorei o final pois este deixa-nos com vontade para ver o que nos reserva 'Eclipse'. Se já viram o filme deixem a vossa opinião, se ainda não viram corram para ir comprar os bilhetes, penso que não se vão arrepender tal como eu ão me arrependi!!

 

Obrigado pelo teu comentario Marta...

Enviem-nos a vossa opiniao sobre o filme para crepusculoforum@sapo.pt

 

28
Nov09

Autora Karen Healey diz que ‘Bella é agressora sexual’

Joana

A autora Karen Healey fez uma surpreendente palestra sobre as transformações do corpo na ficção jovem/adulta. Ela observa as mudanças físicas nas adolescentes em vários romances adolescentes, incluindo a série Crepúsculo.

“Bella é frequentemente acusada de passividade, mas ainda existem falhas para serem encontradas junto com sua fixação pelo romance e junto com a exclusão de todos os outros interesses. Na verdade falta dinâmica. Ela é a agressora sexual e instigadora da mudança no seu relacionamento, por meio de marcos arremessado a uma certa velocidade, o primeiro amor, a primeira separação, casamento, sexo, parto e maternidade em menos de dois anos, antes de atingir o seu objetivo de eternidade numa casa de conto de fadas com a sua família amorosa.
A sua transformação é dolorosa e traumática, mas, consciente dos riscos e possuindo a sua escolha, ela empurra essa decisão para ele de qualquer maneira. Embora eu me pergunte se Bella é realmente considerada as ramificações da repetição do ensino médio, assim como seu marido e seus irmãos “adoptivos” depois de fazer essa transformação definitiva, ela tem a perfeição, uma estática e essencialmente é imutável.
Certamente, eu prefiro histórias onde os protagonistas nunca estão satisfeitos com as suas transformações. Eu gosto de ficção que reconhece a dificuldade e terror de adquirir novos corpos e novas atitudes, mas promete que a mudança não é apenas inevitável, mas pode ser um processo consciente e permanente de auto-decisão, com o objectivo de dias melhores.”

 

Fonte: Io9

Adaptação e tradução: SCrepusculo Portugal

27
Nov09

Noite de Estreia Lua Nova - Nádia

Joana

Olá a todos os Crepusculianos...

Ontem foi um dia especial, um dia de que muitos fãs estavam a espera... Lua Nova chegou a  Portugal e pelo que parece em grande pois em geral ontem os cinemas encheram, dia 26 de Novembro...

Eu pela terceira vez fui ver o filme...Não só pelo filme mas para testemunhar o ambiente!

 

Estive presente no Cascaishoping e fui a sessão das 21h15!

A sala onde o filme estava a rodar e penso que ainda seja a mesma, é a maior...

Uma sala de cerca de 500 lugares, lugares esses que estavam completamente todos ocupados!!!

As pessoas foram chegando a conta-gotas, ofereceram novamente mais posters antes de entrar na sala, fora os 5 posters grandes que contei à entrada do cinema...

Foi o delírio, as fãs chegavam-se ao pé dos posters apenas para tirar fotografias e não sei bem como, mas tambem para se sentirem mais próximos dos protagonistas da saga....

 

Faltava cerca de 20minutos quando a sala abriu...os lugares eram marcados mas mesmo assim havia fila a porta da sala para serem os primeiros a entrar, talvez para sentirem o ambiente da sala...

 

A sala não encheu de uma só vez, depois de anúncios e trailers a sala finalmente estava composta...

Ninguém se calava...desde o inicio que só se ouvia comentários sobre o filme, os actores, os blogs sobre a saga, artigos...enfim...Tudo o que tivesse haver sobre a temática mundial (Twilight) podia-se ouvir naquela grande sala que depressa, com tanta gente e tantos murmúrios se tornou pequena demais...

 

Basicamente durante o filme o que se ouvia era, guinchos, guinchos e mais guinchos...Murmúrios, murmúrios e mais murmúrios...

Robert aparecia, todos gritavam, Taylor aparecia, todos gritavam...Cenas mas intimas apareciam, parecia que ia dar um ataque cardíaco a cada uma das raparigas na sala...Só se ouvia suspiros! Enfim, um filme não muito descansado do principio ao fim!

 

O que me espantou sem duvida foi a sala ter muitos rapazes, sim rapazes fãs! Alguns via-se que estavam apenas para acompanhar a namorada ou amiga, mas muitos deles percebia-se que estavam la por gosto e porque tal como nos são fãs da saga...

Também havia pessoas mais velhas, não só fãs jovens como também já com certa idade...

Na sala as idades iam mais ou menos desde os 9anos aos 80anos...

 

Também me apercebi que não era a única a ver o filme pela terceira vez...Havia mais gente como eu...

 

Tambem se ouviu comentários como "Jacob tem cara de macaco", "coitada...", "haaaa, ele tá no Brasil", "aiii, é agora!!!", "acaba assim??", "não devia acabar assim!" ...etc...etc...

 

O filme também teve algum humor negro o que deu para discomprimir um pouco da grande tensão sentimental que ele exerce sobre os fãs...As piadas, o humor era tão bem feito que todos se riam claro...

 

 

O filme acaba e toda a gente sai aos poucos e poucos...

O nome do Taylor e Robert aparece no genérico e decidem mais uma vez guinchar quando os vêem!!!

 

A sessão seguir a da 00h00 estava igualmente lotada...

 

 

Sem duvida uma febre mundial!!!

 

Nádia - Saga Crepusculo Portugal

21
Nov09

Filme 'Lua Nova' estreia cheio de efeitos

Joana

Na astrologia, 'lua nova' se refere ao período em que a lua está alinhada com o sol e quando as noites são mais escuras. No segundo filme da saga "Crepúsculo", baseada na série best-seller da norte-americana Stephenie Meyer, Bella (Kristen Stewart) enfrenta a fase mais difícil de sua vida.

 

Sob a direção de Chris Weitz (Um Grande Garoto, de 2002, e American Pie, de 1999), o clima de conto de fadas juvenil entre Bella Swan e seu vampiro Edward Cullen (Robert Pattinson) deixado pelo primeiro longa logo se esvai em uma atmosfera mais madura e sombria. O orçamento reforçado de US$ 50 milhões, US$ 13 milhões a mais do que o do primeiro, oferece mais e melhores efeitos visuais, que vão da maquiagem mais convincente de Edward e toda a família Cullen, o clã de lobos gerados por animação digital e as raras mas boas sequências de luta com os vampiros do mal.

 

 

Em "Lua Nova", Robert Pattinson deixa o papel de galã nas mãos de Taylor Lautner, que é quem protagoniza o filme como o também mocinho, mas lobisomem, Jacob Black. No livro de Meyer, a ausência de Edward é quase completa, mas coube ao diretor turbinar as lembranças de Bella com aparições de Pattinson, tranquilizando o exército de fãs de Edward e seu intérprete.

 

 

O filme retoma a história a partir da festa de aniversário de 18 anos de Bella, comemorado com seus amigos imortais. Ela se corta com o papel de parede e seu sangue atiça o olfato e a fúria do vampiro menos controlado da família Cullen, Jasper (Jackson Rathbone). Edward a defende do ataque, mas o incidente o traumatiza, e ele se convence de que o melhor para deixar sua amada segura é largá-la e sair da cidade de Forks.

 

Fonte: br.noticias

20
Nov09

As primeiras impresoes e opinioes dos fãs depois de verem Lua Nova

Joana


Como podem ouvir tal e qual como as informações que circulam na net as opiniões variam...

Uns gostam outros nem tanto...

 

Eu adorei... =D

Claro, ficou aquele gosto que queria ver mais e que tudo pareceu passar muito rápido, mas o filme só tem 2h se teve mesmo que ser assim...

As cenas estão ligadas na perfeição e todo o essencial do livro, na minha opinião esta no filme!!!

 

Para mim e para contrariar algumas criticas que já saíram os efeitos especiais estão Maravilhosos!!!!

12
Set09

Twilight é mau para a tua vida amorosa?

Joana

Uma jornalista rendida tambem a febre Twilight acabou por fazer um artigo sobre os "modelos masculinos" na saga e como podem influenciar num casamento:

 

"Alguns de vocês disseram-me que eu não iria gostar de Twilight, mas eu comprei o livro de qualquer forma para ver o porque de tanta euforia. Bem, eu finalmente terminei de ler, e… eu apreciei o factor de romance, mas eu não pude evitar de pensar que estava a dar às raparigas a ideia errada sobre o amor e os relacionamentos. Eu fiz uma análise feminista de Twilight e aqui está o que me incomodou:

1. Bella não tem Bella outros passatempos: Depois que ela se muda para Washington, Bella faz alguns novos amigos, mas ela não está interessada neles. A maior parte de sua vida é sobre Edward, Edward, Edward. Mas que relacionamento pode sobreviver isso? Pegue por exemplo Simone de Beauvoir, que escreve sobre isso no livro The Second Sex: “Dois amantes destinados inteiramente um para o outro já estão mortos: eles morrem de tédio, da lenta agonia de um amor que se alimenta de si mesmo.”

Interesses externos trazem vida à uma relação. Se você quer um relacionamento saudável, o melhor é você conseguir uma vida, sendo vampiro ou não. Por outro lado, Romeu e Julieta eram adolescentes obcecados um com o outro, mas eu nem sei o que pensar disso.

2. Os rapazes são totalmente não realísticos: Mulheres sempre estão a escrever personagens masculinos e de como gostaríamos que os rapazes fossem – não como realmente são. Estamos a fazer expectativas. Na cena da praia em Twilight, Mike Newton traz para Bella sanduíches e uma porção de refrigerantes para que ela escolha. Dá licença, mas um rapaz adolescente na praia ou irá ficar a passear por aí com outros rapazes, a jogar marshmallows uns nos outros, ou irá passar horas na água.
3. Bella teve lavagem cerebral: Bella diz-nos repetidamente que Edward, o lindo vampiro, é muito perfeito, sem defeitos, e tem o rosto de um anjo. Eu quase tive o meu cérebro lavado. Mas é tipo, ele poderia matá-la a qualquer segundo, e ainda assim ela continua a confiar e desejar ele.Claro que ele não a mata, então acho que devemos ser gratos e pensar altamente bem dele. Quanto controle!

Mas ele está sempre refilar com ela sobre a sua segurança, como se ela fosse uma boneca de porcelana. Ele diz para Bella que ele não pode deixá-la por um minuto. Até a lavar a roupa, ele fala que ela pode cair na maquina. Sério? Não tem nada de errado em ser desastrada, mas fazer piadas como se ela não pode possivelmente fazer nada… Bem, isso não faz maravilhas pela auto-estima de uma rapariga. Isso a transforma numa pessoa dependente. E como a minha mãe diz, ninguém ama uma mulher indefesa. Obviamente, para a história, é a coisa do cavalheiro na reluzente armadura, eu entendo, mas não tenho que gostar.
4.Bella é uma diva doméstica:
Ela cozinha para o seu pai solteiro toda a noite. (Ok, acho que cozinhar é tecnicamente um passatempo. Mas ela não faz de alegria realmente. É mais por um senso de obrigação.) Bella tambem lava a roupa. Mas eu acho que a vemos a fazer lição de casa apenas uma vez. Viu, ela está tão ocupada alimentando um homem para alimentar a sua mente. Não tem nada de errado em cozinhar para um homem, mas fazendo em combinação com constantemente sendo salva por um cara e idolatrando tal cara… é demais. Ao menos Belle na história da Bela e a Fera da Disney adora ler, né?

Mas, eu não estou a dizer que não gostei dos livros em algumas horas, e que eu não teria me derretido no capítulo 13. Eu apenas me preocupo que algumas pessoas irão ler com um olhar crítico (eu sei, é apenas uma história). Algumas raparigas podem esperar a sua vida amorosa para ser exatamente igual como a de Bella. Agora isso que eu chamo de assustador."

 

Bem há sempre os dois lados da coisa ne? =S

 

Fonte: MSN

Adaptação e tradução: SCrepusculo Portugal

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Fórum Saga Crepúsculo Portugal

Blog Saga Crepúsculo Portugal Mail: crepusculoforum@sapo.pt
Um blog que vai ao encontro do que as (os) Fãs desejam mais. Aqui é o Espaço Perfeito onde podes saber novidades sobre esta emocionante saga que está a mudar o Mundo, a SAGA CREPUSCULO ... Esperamos por ti AQUI .

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D